segunda-feira, 18 de fevereiro de 2008

De animal urso ao amigo Oscar!


Bom.. que o filme Tropa de Elite deu o que falar no ano passado não está no gibi. E sim, na língua das mais diversas pessoas e em diversos idiomas. É crítica de tudo que é lado, e nas falas dos personagens "Pede pra sair, pede pra sair", acabou saindo do ar na exibição do Festival de Cinema da Alemanha.


O fato é que mesmo assim, "pedindo pra sair", ele ficou e ganhou o Urso de Ouro. Uns ficaram com a carinha do Wagner Moura pensando e revirando olhinhos e espiando com a maior atenção o nosso Cinema Nacional.


O que me irrita nessa história toda é que alguns brasileiros, se não a maioria dos, só mete o pau nos filmes de produção tupiniquim, que de tupiniquim não tem nada. Temos que valorizar o que é nosso, e não aquelas bobagens de produção spielberguiana com explosões, et's, dinossauros.
O bom do Brasil é que não precisa de nada disso.. já assistimos o cinema da vida real. Se eu comentar dos EUA nem se fala!!! Pra que criar Twister se eles já passam por isso todo santo ano!? É Katrina, Rita, Pamela.. daqui a pouco eu canto o Mambo Number Five e vou um passo à esquerda e outro à direita!


E ainda vem aquele povinho da Europa falar que a polícia brasileira é violenta!! Imagina se não fosse!?!?! Ai.. ai.. Daqui a pouco eu pego o saco e coloco todos eles lá dentro!!! Apesar disso tudo, estou muito feliz com o desempenho do nosso cinema e agora não vejo a hora de dar a mão ao nosso amigo Oscar!

6 comentários:

Bruna França disse...

tá q tá hein

Bruna França disse...

ah adorei a carinha do wagner na foto

Anônimo disse...

Eu também acho, até que enfim o cinema brasileiro está saindo daquele roteiro com base em traições e sexo, o filme retrata um pouquinho da realidade, e quem diz que a polícia é violenta demais e que os métodos de repressão utilizados pelo BOPE no filme são exagerados, são as pessoas que não conhecem ou que nunca sofreram algum tipo de violência vinda de marginais, coisas que vão de um assalto para se roubar um celular ou um tênis, até as mais absurdas brutalidades.Queria ver alguma dessas pessoas tendo um familiar sequestrado, filha estuprada ou algo do tipo, como elas iriam mudar de opinião rapidinho, solução pra bandido é caixão.

Carol disse...

Pois é Clari...concordo que temos que valorizar o cinema brasileiro sim...afinal é nosso!! Tudo que é de fora é bem vindo, mas quando se fala em brasileiro....uma parte já pensa... ah..é brasileiro, deve ser ruim. Eu já ouvi isso diversas vezes!....Olha, ainda que assim como você eu gosto do cinema brasileiro também e valorizo,mas infelizmente nem todos pensam assim como nós...

Beto Padovani disse...

Vc é uma Fanfarrona !

Bruna França disse...

é, dona clarissa!
a senhora é uma fanfarrona!